5dez 2021
00:00 UTC
#linguistweets
#abralin

Formação continuada Multidimensional em 180 caracteres

O Twitter goza de uma posição privilegiada na disseminação e troca de informação em praticamente todas as esferas da vida moderna. Grupos e indivíduos, governos e órgãos institucionais, ONGs, veículos de imprensa, empresas de todo porte partilham informações através de mensagens de até 180 caracteres chamadas de tuítes, textos que na maioria das vezes são organizados pelo símbolo de um hashtag, facilitando a localização das mensagens e, subsequentemente, uma possível participação de interessados. Os chats educacionais, encontros semanais pela plataforma do Twitter oferecem um espaço onde professores e outros stakeholders possam discutir assuntos relacionados ao ensino, em um modelo internacional calçado em conceitos de socio-interacionismo, socio-construtivismo e da teoria da atividade. A linguagem gerada nos encontros identificados pelo hashtag #nt2t (em inglês, New Teachers to Twitter) será o objeto desse estudo sob a ótica da Linguística de Corpus, campo com foco na língua em uso. A LC utiliza ferramentas computacionais e estatísticas para gerar dados multivariados que mostram as co-ocorrências de características linguísticas nos tuítes, assim revelando as dimensões funcionais e lexicais das conversas entre usuários participantes desse chat. Os resultados da análise Multidimensional servirá para nos afirmar o tipo de registro predominante nas interações, assim como os temas e unidades lexicais mais frequentes (a saber, elementos de collocation e colligation) nas postagens.