5dez 2021
00:00 UTC
#linguistweets
#abralin

O TEXTO NO ENSINO DE PORTUGUÊS NAS DÉCADAS DE 1960 E 1970

Nesse sentido, as perguntas que orientam a análise são: (i) Quais as noções ou as teorias linguísticas sobre texto os livros didáticos desse período revelam? (ii) Qual a relevância atribuída ao texto na história do ensino de língua portuguesa desse período? (iii) Levando em conta o período selecionado, como é direcionado o estudo do texto no ensino de língua portuguesa no Brasil? Para atingirmos esse objetivo, alguns critérios foram necessários para a seleção dos livros didáticos: obras de referência de cada época, que atendessem ao que hoje se denomina como o 6º ano do ensino fundamental e que apresentassem abordagens a respeito do texto. Desse modo, para esta comunicação, selecionamos as obras Português através de textos: 1ª série (1968) e Comunicação e expressão em língua portuguesa: 5ª série (1973). A base teórica que fundamenta a pesquisa é constituída pelos princípios teóricos e procedimentos de análise da Historiografia da Linguística (cf. ALTMAN, 1998, 2019; BATISTA, 2013, org. 2019; KOERNER, 2014; SWIGGERS, 1990, 2019, 2020). O recorte desta apresentação confirma que o livro didático possui uma função que é motivada historicamente pelo homem. Assim, o texto, enquanto objeto teórico do ensino de língua portuguesa, se fez presente em livros didáticos em decorrência do clima intelectual ancorado em demandas históricas, políticas e sociais.